blaze

Quase 4 milhões de estudantes se inscreveram para o Enem 2023

De acordo com os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) houve um aumento de 13,1% no número de inscritos

  • Por blaze
  • 30/06/2023 07h48
LUIS LIMA JR/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDOLogo do Enem aparece no computadorEnem 2023 registrou 3,9 milhões de inscrições

Ao todo, quase 4 milhões de pessoas se inscreveram para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2023. O número exato é de 3.933.970. O dado revela um aumento nos inscritos para a principal prova que dá acesso ao ensino superior público, via Sistema de Seleção Unificada (Sisu), e privado, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e pelo Fundo de Financiamento Estudantil(Fies). Em relação a 2022, o aumento no volume de inscrições foi de 13,1%. No ano passado, o Enem teve uma baixa procura e foi teve o menor número de inscritos em 17 anos. De 2018 a 2020, o número girava em torno de 5 milhões, com um pico de 5,8 milhões em 2020. De 2021 a 2023, as inscrições caíram drasticamente, até o menor registro de 3,3 milhões em 2022. Os dados foram divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), que pertence ao Ministério da Educação (MEC) e também é responsável pela prova. Entre os inscritos, 63% conseguiram isenção da taxa de inscrição e farão o exame gratuitamente. Têm direito à gratuidade as pessoas de baixa renda e que saíram de escolas públicas. Quase metade, 48,2%, dos inscritos para o Enem já terminaram o ensino médio, enquanto 35,6%, concluí a graduação escolar este ano. Além disso, 15,8% são alunos que estão no primeiro ou segundo ano e vão fazer a prova como treineiros.

*Com informações do repórter Misael Mainetti

Comentários

Conteúdo para assinantes. Assine JP Premium.
blaze Mapa do site